Os tomatinhos de Helena

Sinhá,

O post de hoje, vai para uma garotinha muito especial chamada Helena.
Helena começou a frequentar o jardim de infância neste ano. Não sei muito sobre o jardim, mas sei que a mãe de Helena o escolheu com muito cuidado e, para nossa alegria, esse jardim ensina crianças com o auxílio das plantas.
Neste momento, as crianças estão aprendendo sobre a vida e seu ciclo: que tudo começa com uma sementinha. Sementinha que, se tratada com muito amor e cuidado, germinará e então surgirá um lindo brotinho. Este brotinho precisará de mais cuidados, durante todo seu crescimento, até que um dia florescerá e dará lindos frutos.

Quem vê essa sementinha passar de brotinho para um “pé” forte e com frutos, fica com o coração cheio de orgulho, cheio de felicidade. É uma dedicação, com muita satisfação.

A plantinha que Helena ganhou foi o tomate. Uma semente que requer cuidados especiais, mas que, sem muitas dificuldades fornecerá frutos ricos em vitamina C, complexo B, fósforo e potássio.

Portanto Helena, te escrevo aqui algumas dicas para que seu pezinho de tomates floresça, assim como você!

Tomate cereja

SEMEANDO
1.) Primeiro, você vai precisar de uma sementeira. A sementeira funciona como o barriga da mamãe. Eu sugiro que você escolha um copinho de café ou um potinho de plástico pequeno que se vende em mercadinhos. Se você escolher o potinho de café, faça um furo embaixo.
2.) Coloque pouca terra e borrife bem pouca água (uma gotinha)
3.) Coloque a semente a 2 cm de profundidade e tape com a terra
4.) Há quem cubra com papel vegetal, fazendo vários furos para circular o ar, mas você pode deixar aberto, em local com luz, sem sol direto ou vento.
5.) Humedecer com borrifador sempre que a terra tiver seca

PLANTANDO
1.) Para plantar é indicado que seu brotinho tenha pelo menos 4 folhas.
2.) Escolha um vaso maior, que será seu definitivo. Sempre recomendamos os vasos de argila, não acumulam água e são fresquinhos para sua planta.
3.) Faça a primeira camada com argila expandida (até que cubra todo o fundo)
4.) Colocar manta geo-têxtil até cobrir o fundo e parte das laterais (essa parte é recomendada para garantir uma boa drenagem do seu vaso)
5.) Colocar terra por cima da manta
6.) Transportar o brotinho, de modo que você não mexa nas raízes.
7.) Terminar de preencher o vaso com a terra

CUIDANDO
1.) Os tomates em geral não gostam de muita humidade pois atraem facilmente pulgões, moscas brancas e outras pragas. Portanto, evite molhar as folhas. Regue  de preferência logo pela manhã. Em dias de muito sol e calor, pode-se regar 2x ao dia, sendo a segunda rega no começo da noite. A terra não deve ficar encharcada, porém, não deve ficar seca.
2.) Em geral eles gostam do sol, 4 horas por dia seria ideal
3.) Não recomenda-se que ele fique em vento fortes
4.) Todo tomateiro gosta de um apoio. Coloque palitos de churrasco neste começo para o apoio do tomateiro
5.) Assim que lindas flores amarelas começarem a apontar, logo seu tomatinho surgirá.

Lembrando que estamos em época favorável de semear tomates!

Semear em: De Fevereiro a Abril
Plantar em: De Março a Junho
Colher: De Maio a Agosto
Duração do Cultivo: Entre 90 a 120 dias
Sol: Pleno
Profundidade do vaso: Pelo menos 25/30 centímetros
Espaçamento entre plantas: Mínimo de 30 centímetros

Desejamos muitos aprendizados, alegria, mão suja de terra e amor aos tomatinhos de Helena.

Se você também quer alguma dica, faça como a pequena Helena, escreva para nós que sua dica pode aparecer por aqui!

Um beijo.

[Fotos Pinterest]

 

Compartilhe:

Comentários no Facebook